terça-feira, 7 de outubro de 2014

Afinal também o ex-diretor do Frankfurter Allgemeine Zeitung afirma que o Ocidente quer uma guerra

O Dr Udo Ulfkotte é um jornalista alemão, ex-editor do Frankfurter Allgemeine Zeitung, um dos jornais de maior circulação na Alemanha. O vídeo é muito esclarecedor. Ele, que se assume pró-americano, como eu sou, sabe que os Estados Unidos de Obama já não merecem a nossa confiança. Acusa, como acusamos, os Estados Unidos e a Europa de quererem provocar uma guerra com a Rússia. Lamento dizer, por vezes os desejos acabam por se cumprir.

Metade do que se diz da Rússia deve ser descartado. A outra metade tomada com um grão de sal, um grão tão grande que causará um ataque cardíaco a quem o tomar. A Rússia está longe de ser um menino de coro, teve parte nas revoltas em Kiev e controla os tipos que estão no poder em Kiev. Mas a Rússia está pronta para a guerra. Vai parecer cair, a NATO vai cantar vitória, mas vai-se engasgar. Em poucos anos (tenho uma opinião, mas não digo quando acho) os russos irão levantar a cabeça e vencer a União Europeia e os Estados Unidos.

A razão para a guerra é simples: é necessário haver uma guerra ou uma boa peste antes que o sistema financeiro venha abaixo, para que alguém possa assobiar para o alto, dizer que a culpa lhe é estranha e que até estava tudo bem até ao início das hecatombes. Tipo Sócrates e a desculpa da «crise financeira internacional».

Se outros vierem dizer o mesmo, pode ser que os responsáveis da União Europeia tomem juízo e mandem o Obama e a sua política externa para o balde do lixo da História.