terça-feira, 7 de janeiro de 2014

A Rússia romperá relações diplomáticas com Portugal

Assunção Cristas, a última heroína na luta contra o aquecimento global

Fontes mal informadas asseguram-nos que a Rússia chamará o seu embaixador em Portugal. O imbróglio deve-se à nossa ministra da agricultura. Em 2011, mal tinha tomado posse, dispensou as gravatas para poupar energia no Ministério da Agricultura, do Ambiente, do Ordenamento do Território e das Alfaces Lisboetas.

Investigando o aquecimento global

Os efeitos, deferidos no tempo, foram de tal forma sentidos que acabaram por inverter o aquecimento global. No Ártico, um navio russo foi retido pelo gelo, e o seu putativo salvador, um quebra gelos chinês, teve a mesma sorte. Resta dizer que na Antártida vive-se agora o Verão. Não foi encontrado nenhum representante da Antártida para comentar a onda de frio polar que contrariou os supostos cientistas que estavam à procura dos efeitos do aquecimento global. É-nos assegurado que esses efeitos não incluíam a duplicação da capa de gelo, como vieram a encontrar.

Os Russos, pragmáticos, assestaram as suas baterias na direção da ministra da agricultura portuguesa, da qual o único sucesso do seu trabalho parece ser esse recuo inesperado do aquecimento planetário. Esperam-se reações do Palácio das Necessidades Constantes, sede do Ministério dos Negócios Estranhos.